por jornalismo

O banco ING acredita que o governo da Índia vai rever sua posição e reduzir a tarifa de importação de açúcar, que atualmente é de 40%.

Segundo o banco, os estoques do país devem diminuir consideravelmente por causa de uma safra reduzida de cana-de-açúcar.

"Com base nas previsões atuais, estimamos que a Índia precisará importar pelo menos 2 milhões de toneladas para o mercado doméstico", disse o ING.

A próxima reunião do governo com representantes do setor deve ocorrer neste mês. Alguns analistas acreditam, no entanto, que a questão será adiada até o fim das eleições legislativas no país, em março, já que uma redução do imposto resultaria em preços domésticos mais baixos e seria desfavorável para produtores.

 
Fonte: Dow Jones Newswires