Fórum de Produtores de AgroEnergia debaterá as inovações na colheita mecanizada de cana

No Brasil, existem aproximadamente 60 mil produtores de cana, dos quais, 85% são pequenos e médios. Mas a mecanização dos canaviais pode inviabilizar a continuidade de muitos deles, pois o melhor uso da colhedora está associado ao tamanho dos talhões de cana, quanto maior for o “tiro de colheita”, melhor o resultado da máquina, que realizará menos manobras, reduzindo o custo da operação e a compactação do solo.

Além disso, há muitas áreas que inviabilizam a entrada das colhedoras convencionais, porque são muito pequenas, ou apresentam declividade superior a 12%. Com o fim da queima e, portanto, do corte manual, o cultivo de cana nessas áreas deixará de existir.

É o que acontece com a região de Capivari, SP, tradicional produtora de cana, com grande presença de pequenos produtores e boa parte da área com topografia acidentada. “Já realizamos várias tentativas para substituir a cana por outras culturas, como o plantio de laranja e tomate, mas não deram certo. Um dos motivos, é a grande quantidade de roubo da produção, pois nossa região é bastante povoada”, conta Maria Christina Pacheco, produtora e presidente da ASSOCAP – Associação dos Fornecedores de Cana de Capivari. Segundo ela, a opção de substituir a cana por eucalipto, nas regiões com maior declividade, também não tem obtido sucesso, já que as empresas, para reduzir o custo da atividade, preferem cultivar o eucalipto em áreas mais planas.

“A cana continua sendo nossa melhor opção. E a chance de continuarmos no negócio é o desenvolvimento de colhedoras menores e com capacidade de colherem em áreas com topografia mais acentuada”, diz Maria Christina, que também é diretora da Organização dos Plantadores de Cana da Região Centro-Sul do Brasil (ORPLANA) e diretora do Consecana.

Como esta não é uma realidade exclusiva da região de Capivari e, sim, de uma boa parcela de produtores de cana, o tema: Inovações da Colheita Mecanizada de Cana-de-Açúcar - será debatido durante o Fórum de Produtores de AgroEnergia (Farmers Forum AgriEnergy), evento internacional realizado pela Organização dos Plantadores de Cana da Região Centro-Sul do Brasil (ORPLANA), pela DATAGRO Consultoria e que contará com a Infraestrutura Organizacional da Reed Alcântara Machado, organizadora da FENASUCRO & AGROCANA.

Data: 23 de agosto de 2017
Horário: das 8h00 às 17h00
Local: Arena do Conhecimento Agrícola na 25ª Fenasucro & Agrocana - Centro de Eventos Zanini – Sertãozinho/SP
 
Programação e inscrições pelo site:
http://produtoresdeagroenergia.com.br//pt-br/