Usina Vale do Paranaíba recebe lance de R$ 206,3 mi e leilão é prorrogado

O leilão da Usina Vale do Paranaíba, pertencente à Massa Falida da Laginha Agroindustrial S/A, foi prorrogado até amanhã (5). O imóvel recebeu um lance no valor de R$ 206,3 milhões. O processo da massa falida da Laginha tramita na 1ª Vara de Coruripe.

De acordo com a Superbid Judicial, empresa especializada na avaliação e venda de ativos por meio de leilões oficiais presenciais e via internet, o vencedor terá a possibilidade de parcelar o lance em até dez vezes. As propostas para a Usina Vale do Paranaíba podem ser enviadas pelo site do leilão.

A Vale do Paranaíba, localizada em Capinópolis, Minas Gerais, tem área de 3.210,44 hectares e foi avaliada em R$ 206.358.000,00, abrangendo ao todo 17 imóveis.

Já o leilão da Usina Triálcool segue até o dia 7 de dezembro e deve ter lance mínimo de R$133.826.220,00. Localizada no município de Canápolis (MG), possui 6.048,86 hectares e 24 imóveis. Os interessados podem dar seus lances também no site da Superbid Judicial.

Leandro de Castro Folly, José Eduardo Nobre Carlos e Marcella Waleska Costa Pontes de Mendonça são os juízes designados pelo Tribunal de Justiça de Alagoas para conduzir o processo da massa falida. (Assessoria de Comunicação)