Atvos tem plano de Recuperação Judicial aprovado

Natália Cherubin

Ontem, 20, depois de reunião da Assembleia Geral de Credores, foi aprovado o plano de Recuperação Judicial da Atvos, o que, segundo a companhia, vai permitir com que a empresa fortaleça sua estrutura de capital e retome os seus investimentos.

O documento, aprovado pela expressiva maioria dos credores, agora será levado a homologação do Poder Judiciário. O objetivo da companhia, com a volta dos investimentos, é alcançar a capacidade de moagem de 35 milhões de t de cana em seis anos. Atualmente, a empresa é responsável por aproximadamente 10% do abastecimento de etanol do mercado brasileiro.

“Estabelecido o equilíbrio financeiro, a empresa terá condições para executar seu plano de negócios focado na ampliação e renovação dos canaviais e no aumento da produtividade das unidades industriais. O crescimento da produção permitirá aumentar a geração de caixa e iniciar um novo ciclo de valorização”, disse a Atvos em nota divulgada à imprensa na noite de ontem, 20.

Ainda de acordo com a companhia, o plano de recuperação judicial prevê ainda a atração de novos investidores e o fortalecimento das práticas de governança com um Conselho de Administração composto por cinco conselheiros, sendo três independentes.