Preços do açúcar fecham a semana

Os preços do açúcar fecharam a sexta-feira (6) em alta nas bolsas internacionais. Os lotes com vencimento para março/20 da Ice Future fecharam cotados em 13.18 centavos de dólar por libra-peso, alta de 10 pontos no comparativo com a véspera. Já o vencimento maio/20 valorizou 9 pontos, com negócios firmados em 13.23 cts/lb. Nas demais telas de NY a commodity subiu entre 5 e 8 pontos.

De acordo com o economista Arnaldo Luiz Corrêa, “o modelo de previsão de preços da Archer Consulting, assume que o preço médio dos fechamentos diários do açúcar no mês de dezembro deve chegar a 13.09 centavos de dólar por libra-peso”.

Ainda em seu artigo semanal, Corrêa destaca: “curiosamente o preço médio do fechamento do primeiro mês de vencimento do contrato futuro de açúcar em NY no ano de 2018 foi de 12.24 centavos de dólar por libra-peso. Até o momento, o preço médio de NY em 2019 é de 12.25 centavos de dólar por libra-peso, ou seja, 0,08% acima. A baixa volatilidade do açúcar encoraja os fundos de manterem suas posições vendidas a descoberto por um longo período de tempo. Não porque eles achassem que o açúcar ia cair, mas porque ele oscila menos e diminui o risco numa eventual operação conjunta, como a de petróleo contra açúcar”.

Londres

No mercado londrino o açúcar branco também fechou em alta em todas as telas. No vencimento março/20, os negócios foram firmados em US$ 347,50 a tonelada, alta de 2,20 dólares no comparativo com a véspera. Já a tela maio/20 subiu 3,10 dólares, com negócios em US$ 352,60 a tonelada. Nos demais lotes a valorização oscilou entre 1,70 e 2,80 dólares.

Mercado doméstico

O mercado interno do açúcar cristal, medido pelo Cepea/Esalq, da USP, também fechou em alta na sexta-feira (6). A saca de 50 quilos foi negociada em R$ 68,10, valorização de 1,05% no comparativo com a véspera.