Açúcar voltam a cair nas bolsas internacionais

Os contratos futuros do açúcar voltaram a cair nesta quinta-feira (29). Em Nova York, a tela para outubro/19 fechou em 11.21 centavos de dólar de libra-peso, queda de 16 pontos.

Leia também: cresce o número de trabalhadores no agronegócio

O lote para outubro/19 foi firmado em 12.31 centavos de dólar por libra-peso, baixa de 17 pontos. Os outros contratos caíram entre 11 e 15 pontos.

De acordo com a Reuters, o recuo ocorreu diante das “perspectivas de exportações substanciais pela Índia em 2019/20 colocando o mercado na defensiva”.

Em Londres os papéis para outubro/19 fecharam em US$ 304,30 a tonelada, queda de 4,90 dólares.

O vencimento para dezembro/19 foi firmado em US$ 315,00 a tonelada, baixa de 4,50 dólares. Os outros contratos desvalorizaram entre 1,30 a 4,80 dólares.

Mercado doméstico

No mercado interno o açúcar cristal fechou em alta pelos índices do Cepea/Esalq, da USP. A saca de 50 quilos foi comercializada ontem em R$ 61,36, valorização de 0,67% no comparativo com a véspera.

Etanol hidratado

Já o indicador diário do etanol hidratado, medido pela Esalq/BM&FBovespa Posto Paulínia, manteve-se em baixa pela sexta vez seguida, fechando cotado a R$ 1.737,00 o metro cúbico, desvalorização de 0,74% no comparativo com a véspera.

Os contratos futuros do açúcar voltaram a cair nesta quinta-feira (29). Em Nova York, a tela para outubro/19 fechou em 11.21 centavos de dólar.
Os contratos futuros do açúcar voltaram a cair nesta quinta-feira (29). Em Nova York, a tela para outubro/19 fechou em 11.21 centavos de dólar.