Compartilhar

O Banco Santander elevou o preço-alvo das ações da São Martinho para R$ 36,50, com recomendação de compra. O otimismo com a empresa é tanto, que o Santander afirma, num curto comentário enviado aos clientes hoje (17), que a ação é sua favorita do setor de agronegócio na América Latina.

Christian Audi e Rodrigo Almeida, que assinam a recomendação, preveem um “sólido rendimento” de 11% para o fluxo livre de caixa no ano fiscal de 2022. A estimativa considera apenas o fluxo de caixa gerado pelo açúcar e pelo etanol.

A dupla acrescenta que a São Martinho possui um projetos atraentes de crescimento, que incluem a recém-aprovada usina de etanol de milho em Goiás, que pode acrescentar mais R$ 1,50 ao valor da ação.

Outro argumento do Santander para justificar o favoritismo do papel é o rendimento de dividendos, considerado “sólido” e na casa dos 4%. Por fim, a ação é negociada por múltiplos abaixo de sua média histórica.

Cadastre-se em nossa newsletter