Compartilhar

O presidente do grupo sucroenergético indiano Thiru Arooran Sugars, Ram Tyagarajan, afirmou nesta segunda-feira, 7, que a produção de açúcar na Índia precisa crescer dos 22 milhões a 23 milhões de toneladas previstos na safra 2016/17 para 29,6 milhões de toneladas até 2021/22 para que a demanda local seja atendida. 

As declarações foram dadas pelo executivo, com base em números da Associação Indiana de Usinas (Isma, na sigla em inglês), durante o Seminário Internacional do Açúcar 2016, em São Paulo. Conforme ele, o consumo de açúcar na Índia vem crescendo a uma taxa de 3% ao ano, o que equivale a um incremento anual de 700 mil a 900 mil toneladas. 

Ainda segundo Tyagarajan, o máximo de produção de açúcar já alcançado pela Índia ocorreu na temporada 2014/15, com 28,31 milhões de toneladas. Volume ligeiramente menor, de 28,3 milhões de toneladas, também já havia sido observado há dez anos.


Fonte: Estadão Conteúdo

 

Cadastre-se em nossa newsletter