Compartilhar

A Toyota sai na frente de todas as demais montadoras, e no próximo dia 19 de março lança o primeiro veículo leve de passageiros híbrido flex capaz de utilizar etanol ou gasolina. É a eletrificação com biocombustível tornando-se uma realidade. A tecnologia estará embarcada no modelo PRIUS, que vai sair de São Paulo em direção a Brasília, onde deve chegar no dia 21 ou 22 de março. No percurso, vai parar em Paraguaçu Paulista, estado de São Paulo, para reabastecimento na Usina Cocal.

O Prius é o veículo híbrido mais vendido no Brasil. O modelo custa R$ 126.600,00 à vista. A empresa está fazendo a promoção de entrada de R$ 50.640,00, mais 36 vezes de R$ 1.460,00 e parcela residual de R$ 50.640,00.

A tecnologia combina dois motores: um motor de combustão interna que pode usar etanol ou gasolina, e um elétrico. A tecnologia permite baixo consumo de combustível, o que torna o veículo muito econômico, podendo chegar a uma autonomia de até 812 km, e fazendo 18,9 km/l na cidade.

Os veículos híbridos tem uma eficiência energética maior do que a os veículos convencionais movidos exclusivamente com motores de combustão interna, e portanto, menor consumo de combustível. A emissão de gases do efeito estufa, segundo a avaliação do ciclo de vida (ACV) aponta para níveis muito baixos considerando a média de utilização de etanol e gasolina, e o seu custo para o consumidor é relativamente acessível, não se distanciando muito do valor de aquisição de um veículo convencional.

Há especulações de que a tecnologia seja aplicada ao sedan médio Corolla, que é um dos maiores sucessos mundiais da montadora.

Fonte: Datagro

Cadastre-se em nossa newsletter