Açúcar: preços fecham em alta por conta da valorização do petróleo

Os contratos futuros do açúcar fecharam em alta ontem (5) nas bolsas internacionais, seguindo a valorização dos preços do petróleo. Na ICE Future, em Nova York, o lote para julho/20 fechou em 10.78 centavos de dólar por libra-peso, alta de 38 pontos. O vencimento para outubro/20 subiu 37 pontos e foi firmado em 11.02 centavos de dólar por libra-peso. Os demais contratos subiram entre 23 e 34 pontos.

A Reuters publicou que “um operador disse que ainda será visto se o relaxamento das restrições e os cortes de produção de petróleo terão grande impacto sobre a fabricação de etanol no Brasil, embora isso deva ao menos sustentar o açúcar ao redor de 10,50 centavos”.

Na bolsa de Londres os contratos para agosto/20 subiram 15,60 dólares e foram firmados em US$ 357,60 a tonelada. Os lotes para outubro/20 fecharam em US$ 342,40 a tonelada, valorização de 10,90 dólares. Os outros lotes subiram entre 6,30 e 9,20 dólares.

Já no Brasil os preços caíram. Em São Paulo, a saca de 50 kg de açúcar cristal fechou em R$ 74,72, pelo indicador Cepea/Esalq, da USP, com queda de 1,11% quando comparado com o valor da véspera.

Mas. Desse modo. Mas