Compartilhar

Reportando um lucro líquido histórico de R$ 69,3 milhões e tendo retomado as operações em Clementina, a Clealco divulga hoje o balanço da Safra 20/21, onde elevou seu volume de moagem e avançou na geração de caixa e EBITDA.

No desempenho financeiro, soma-se à lucratividade do período um fluxo de caixa líquido gerado nas atividades operacionais de R$ 244,2 milhões, 12% maior que em 19/20, e um EBITDA de R$ 429,7 milhões com margem de 41.6%, 17 pontos percentuais superior ao exercício anterior.

Outro fato relevante foi a aprovação do aditamento ao Plano de Recuperação Judicial por 91% dos credores habilitados, fundamental para o alongamento do passivo total do grupo, que passou de 88% para 40% registrados no passivo circulante.

Em relação à produção, no período 20/21 a empresa ampliou a moagem para 5,7 milhões de toneladas de cana-de-açúcar, 37% superior ao ciclo anterior, e produziu 526 mil toneladas de açúcar e 151,6 milhões de litros de etanol, respectivamente 37,5% e 16,6% maior que em 19/20.

Contribuiu de forma importante para os resultados da Safra a retomada das operações na unidade de Clementina, em junho/20, criando 600 novos postos de trabalho e gerando valor para toda a região frente ao cenário adverso da pandemia.

“Com uma gestão colaborativa, a confiança do mercado e o engajamento de cerca de 2,4 mil colaboradores diretos, a Clealco obteve, mesmo no contexto da pandemia, os seus melhores resultados históricos em 20/21, retomando a lucratividade do negócio e avançando em importantes aspectos financeiros que vinham sendo desafiadores nos últimos exercícios”, ressalta Adriano Furtado, VP de Finanças e Tecnologia.

Os resultados refletem as novas diretrizes estratégicas da Companhia, com significativas melhorias operacionais já implementadas sob a condução de Gustavo Rodrigues, que foi nomeado CEO em janeiro/21 após atuação na Diretoria de Operações.

A prioridade na valorização de pessoas e na cultura de segurança do trabalho, os investimentos em qualidade e tecnologias nas operações e o relacionamento transparente com parceiros agrícolas também são diretrizes relevantes neste novo modelo de gestão da empresa.

“Estamos muito orgulhosos e realizados pelos resultados da Clealco em 20/21. Não só por termos obtido números nunca vistos em 40 anos, mas principalmente pela forma como conduzimos a Companhia na direção destes resultados, prezando em primeiro lugar pela segurança no trabalho, pelo cuidado e respeito com as pessoas, e por garantir a transparência, o profissionalismo e a ética nas relações, sempre com muita energia para colocar em prática o que foi planejado. Com estratégias operacionais, financeiras e comerciais assertivas, conseguimos aproveitar as oportunidades e melhorar a performance do grupo mesmo frente a adversidades. Tenho plena confiança de que estamos no caminho certo e que o time Clealco vai alcançar novas e maiores realizações”, declara Gustavo Rodrigues, CEO.

Na atual Safra, a empresa tem alcançado resultados operacionais e financeiros que superam as expectativas previstas, avançando significativamente na solução de contingências tributárias.

Cadastre-se em nossa newsletter