Compartilhar

Em outubro de 2016, a 'Balança Comercial do Agronegócio' apresentou um superávit de US$ 4,5 bilhões, resultado 32,6% inferior ao registrado no mesmo mês de 2015. As exportações do setor apresentaram queda de 26,2% em comparação com out/15, totalizando US$ 5,7 bilhões. No caso das importações, houve aumento de 14,3%, atingindo US$ 1,2 bilhão em outubro. No acumulado do ano até outubro, o agronegócio obteve saldo de US$ 62,1 bilhões, valor 2,3% inferior ao mesmo período de 2015. O resultado da 'Balança Comercial Brasileira Total' apresentou superávit, fechando o período com US$ 38,5 bilhões.

Açúcar: O açúcar foi o principal produto exportado pelo agronegócio no mês. As exportações totalizaram US$ 870 milhões, acréscimo de 15,8% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Já o volume embarcado saiu de 2,6 milhões de toneladas em out/15 para 2,2 milhões de toneladas em out/16, queda de 14,7%. Os preços médios de exportação do açúcar continuam amparados pelo déficit mundial da commodity e, em outubro/16, aumentaram 35,8%.

Café em grão: No mês de outubro as exportações do grão registraram aumento de 2,2% em valor, em relação a out/15, totalizando US$ 513 milhões. O preço médio do produto registrou aumento de 13,6%, o que se deve às preocupações com a oferta do produto. Em volume, houve queda de 10% na mesma base de comparação, ao sair de 198 mil toneladas embarcadas em outubro de 2015, para 178 mil toneladas no mesmo mês de 2016.

(Fonte: Fiesp)

Cadastre-se em nossa newsletter