FMC anuncia programa para promover o voluntariado em prol de entidades

0
9

A FMC Agricultural Solutions acredita que o voluntário é o agente de transformação que presta serviços não remunerados em auxílio da comunidade, doando tempo e conhecimento, além de realizar um trabalho gerado pela energia de seu impulso solidário. Isso atende tanto as necessidades do próximo, quanto as suas próprias motivações pessoais.

A FMC apoiará instituições que sejam reconhecidas como ONGs, Entidades sem fins lucrativos e OSCIPs, que estejam localizadas em 42 municípios brasileiros e que tenham a indicação voluntária de um colaborador ou parceiro comercial da FMC. As ações sociais devem ser caracterizadas por atividades promovidas nas áreas de assistência social, cidadania, cultura, esportes, artes, educação, meio ambiente, saúde e geração de renda e devem contar com mão de obra voluntária local para sua realização.

As inscrições estarão abertas entre 1º de abril e 15 de maio pelo site www.fmcagricola.com.br e não há limite de inscrições, no entanto, a entidade social será contemplada com o investimento apenas uma vez ao ano.

Uma Comissão Julgadora irá avaliar as ações, levando em consideração os critérios de relevância social, quantidade de benefícios, clareza da proposta e viabilidade. Serão contemplados até seis ações sociais e cada uma receberá um investimento no valor de até dez mil reais. Todo o recurso financeiro deve ser utilizado para compras de materiais e equipamentos.

“Acreditamos que é de extrema importância fomentar o voluntariado em território nacional e ressaltar a realização de projetos em polos agrícolas. Estamos incentivando os profissionais a se desenvolverem e se reconhecerem protagonistas pelo desenvolvimento da comunidade em que vivem e trabalham”, aponta.

Os estados e cidades que podem ser contempladas pelas ações são Bahia (Luís Eduardo Magalhães), Goiás (Catalão, Cristalina, Goiânia, Goiatuba, Jataí, Morrinhos, Posse, Rio Verde e Unaí), Maranhão (Balsas e Imperatriz), Mato Grosso (Campo Novo do Parecis, Campo Verde, Cuiabá, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sapezal, Sorriso e Tangará da Serra), Mato Grosso do Sul (Chapadão do Sul e Dourados), Minas Gerais (Patos de Minas, Uberaba e Uberlândia), Paraná (Campo Mourão, Cascavel, Guarapuava, Londrina, Maringá e Ponta Grossa), Pernambuco (Petrolina), Rio de Janeiro (Barra Mansa), Rio Grande do Sul (Carazinho, Cruz Alta, Passo Fundo, Pelotas e Santa Cruz do Sul), São Paulo (Campinas, Ribeirão Preto e Piracicaba).