Compartilhar

Os preços do etanol hidratado (usado diretamente nos tanques dos veículos) pararam de subir na maior parte do país na semana passada e começaram a registrar quedas, acompanhando a gasolina.

De acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás natural e Biocombustíveis (ANP), entre os dias 21 e 27 o biocombustível caiu nos postos de 14 Estados e no Distrito Federal e subiu em outras dez unidades federativas. Em Pernambuco, os preços ficaram estáveis e no Amapá não houve pesquisa na semana anterior para comparação.

Apesar da inversão da tendência dos preços, o etanol ainda está acima de R$ 6 o litro em oito Estados. O etanol mais barato na semana passada foi o vendido na Paraíba, a R$ 5,046 o litro.

Em São Paulo, maior polo de consumo de combustíveis do país, o etanol hidratado ficou em R$ 5,22 o litro, em média, queda de 0,63% ante a semana anterior. Apesar disso, o valor segue longe de garantir competitividade ao biocombustível, já que o valor correspondeu a 81,3% do preço da gasolina — bem acima do patamar de paridade energética de 70% para a média da frota flex brasileira.

O Estado onde o etanol segue menos desvantajoso em relação à gasolina é Goiás, onde o biocombustível ficou em R$ 5,49 o litro, o equivalente a 75,7% do valor da gasolina na mesma semana.

Cadastre-se em nossa newsletter