Açúcar: produção na Índia pode ser a menor dos últimos anos

A produção de açúcar da Índia pode cair 20% em 2019/20, para o menor nível em três anos. O fato vem após uma seca ocorrida no ano passado ter forçado produtores rurais a reduzir o plantio de cana. Inundações neste ano também prejudicaram a safra em importantes áreas. A informação foi veiculada pela Reuters.

A menor produção poderia ajudar o maior produtor global a reduzir os estoques, que cresceram após dois anos de produção recorde e exportações abaixo do previsto.

A produção de açúcar indiana pode cair para 23,6 milhões de toneladas no ano comercial que inicia em 1ª de outubro, ante 33 milhões de toneladas no ano anterior, disse o diretor administrativo da Federação Nacional de Cooperativas de Fábricas de Açúcar, Prakash Naiknavare.

“As cheias do último mês afetaram negativamente a plantação de cana em Maharashtra e Karnataka”, afirmou.

O Estado de Maharashtra, no oeste do país, é o segundo maior produtor da Índia, enquanto Karnataka, ao sul, é o terceiro.

A produção de Maharashtra poderia cair pela metade ante o ano passado. Assim, chegaria a 5,5 milhões de toneladas em 2019/20.

Por outro lado, em Karnataka, a produção poderia recuar 23%, para 3,3 milhões de toneladas, segundo Naiknavare.

Na primeira semana de agosto, muitos distritos nos dois Estados receberam até 670 mm em chuvas, o que inundou rios e deixou debaixo d´água cana plantada nas encostas dos mananciais.

A Índia deve começar o ano comercial 2019/20 com estoques de passagem recordes de 14,2 milhões de toneladas, informou o governo no mês passado