Grupo sucroalcooleiro alcança 1 milhão de CBIOs emitidos

Nesta semana, o grupo Atvos chegou à marca de 1 milhão de Créditos de Descarbonização de Biocombustíveis (CBIOs) escriturados. Os CBIOs são ativos criados pela Política Nacional de Biocombustíveis, o Renovabio, baseado no volume de etanol produzido e sua eficiência energética ambiental. Cada CBIOs emitido equivale a uma tonelada de gás carbônico evitada.

O objetivo da criação destes créditos de descarbonização é promover o uso em larga escala de combustíveis renováveis no país, remunerando e incentivando os produtores e reduzindo a emissão de poluentes na atmosfera, seguindo o compromisso que o Brasil assumiu no Acordo de Paris. Com a política do RenovaBio, o governo prevê uma diminuição da emissão de até 10% dos gases estufa até 2030 na matriz nacional de combustíveis.

Atingir a meta de 1 milhão de CBIOs emitidos é uma forma da Atvos também contribuir com um amanhã mais limpo, melhorando a qualidade do ar nas grandes cidades, , gerando empregos em regiões de novas fronteiras com mitigação das mudanças climáticas, além de valorizar o biocombustível, promover maior segurança energética e garantir a previsibilidade de investimentos em bioeconomia.