Produção de açúcar da Índia cai 21,8%; veja os números

A produção de açúcar na Índia na safra 2019/2020 alcançou 19,484 milhões de toneladas até 29 de fevereiro, segundo boletim de acompanhamento da Associação Indiana das Usinas de Açúcar (Isma, na sigla em inglês). O volume é 21,8% inferior ao total de 24,930 milhões de toneladas produzido em igual período de 2018/2019.

A safra atual começou em 1º de outubro de 2019 e vai até 30 de setembro de 2020. Segundo a Isma, 453 usinas processaram cana-de-açúcar até o fim de fevereiro, ante 520 unidades em produção um ano antes.

Na região de Maharashtra, a fabricação de açúcar registrou forte queda de 45,4%, ao passar de 9,288 milhões de toneladas até 28 de fevereiro de 2019 para 5,070 milhões de toneladas até o último sábado. Das 145 usinas que trabalhavam na safra de 2019/2020, 25 encerraram as operações por causa da escassez de matéria-prima.

Em Uttar Pradesh, 119 unidades estavam em operação até 29 de fevereiro deste ano e foram produzidas 7,686 milhões de toneladas, alta de 4% ante as 7,387 milhões de toneladas registradas um ano antes, quando 117 usinas atuavam no setor.

O Isma afirma que entre 2,2 milhões e 2,3 milhões de toneladas já foram exportadas pela Índia e mais de 3,5 milhões.de toneladas já foram contratadas para exportações. Ainda de acordo com a associação indiana, o volume embarcado dentro das cotas subsidiadas nesta temporada pode atingir a meta de mais de 5 milhões de toneladas.

Mas. Desse modo.Mas. Desse modo.