Compartilhar

Diretores e colaboradores da Usina Da Mata, de Valparaíso, São Paulo, comemoraram o anúncio feito pelo Governador de São Paulo, João Dória, sobre a pavimentação asfáltica da VPS 321, principal via de acesso à usina. O anúncio foi feito em solenidade ocorrida na última segunda-feira (13) no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista. O diretor da Da Mata, Newton Chucri participou da solenidade.

A obra anunciada por Dória custará R$ 74 milhões aos cofres públicos, sendo a segunda maior obra de pavimentação da 7ª fase do Plano de Pavimentação do Estado de São Paulo. A pavimentação está prevista para começar em março de 2022.

Para o diretor Newton Chucri, “a pavimentação da via que liga a Da Mata a Valparaíso é um pleito de muitos anos, que está se concretizando e irá proporcionar expressiva melhoria no fluxo de escoamento da produção de um dos mais importantes setores da economia do país, que é o agronegócio, pois beneficiará a Da Mata e todos os produtores rurais das propriedades localizadas nas proximidades da via, além de representar um ganho imensurável aos seus usuários, sejam colaboradores, parceiros e prestadores de serviços da Da Mata, sejam os cidadãos de Valparaíso e região”.

O anúncio, muito acalentado pela usina, trará novas oportunidades e perspectivas para a Da Mata, com redução de custos, inclusive, para a operacionalização das atividades da usina. A estrada VPS 321 possui 22,8 quilômetros de extensão, interligando a usina à Rodovia Marechal Rondon.

O prefeito de Valpraíso, Carlos Alexandre Pereira também participou da solenidade onde o anúncio foi feito. Para Xandy, como é conhecido o prefeito, a obra era esperada há muitos anos pelo município. “Tal obra, além de melhorar a qualidade de vida dos munícipes que vivem nas margens da rodovia e trabalham na usina, também irá melhorar o escoamento da produção e o transporte escolar”, destacou o prefeito.

Cadastre-se em nossa newsletter