Compartilhar
Unidade Produtora de Jataí

A Bonsucro anunciou seu novo plano estratégico de cinco anos, que estabelece ambições ousadas para acelerar coletivamente a produção e o uso sustentável da cana-de-açúcar. O lançamento desta estratégia é oportuno, seguindo o compromisso histórico do G7 da semana passada de colocar o clima, a biodiversidade e o meio ambiente no centro dos esforços de recuperação da Covid em todo o mundo.

A Bonsucro estabelece três novos objetivos estratégicos para:

  • Melhorar o impacto ambiental da cana-de-açúcar.
  • Fortalecer os direitos humanos e o trabalho decente na lavoura e moagem da cana-de-açúcar.
  • Criar valor em toda a cadeia de abastecimento da cana-de-açúcar.

Os destaques incluem o direcionamento da ação climática no setor canavieiro para metas baseadas na ciência, proteção da biodiversidade e da saúde do solo, enfrentamento da crise de água, recrutamento seguro para trabalhadores migrantes, tolerância zero para trabalho forçado e infantil, promoção de salários mais justos; e aumentar a aceitação do mercado de açúcar, etanol e melaço certificados pela Bonsucro para incentivar uma produção mais sustentável.

A CEO da Bonsucro, Danielle Morley, diz: “Cadeias de suprimentos sustentáveis ​​são cada vez mais reconhecidas como críticas para os negócios devido ao surgimento de novos requisitos legais, financeiros e regulatórios – apoiados por uma onda crescente de consumidores conscientes. Nosso novo plano estratégico reflete nossa confiança no futuro da cana de açúcar sustentável e na contribuição que a Bonsucro fará para as metas globais da ONU e ações climáticas. Nós conquistamos muito na última década e estou entusiasmada para causar um impacto ainda maior ao tornar essas metas ambiciosas uma realidade. ”

Rafael Bordonal Kalaki, Superintendente da Socicana, associação de produtores de cana e membro da Bonsuro, disse: “Ter uma visão de futuro e de longo prazo é fundamental para o sucesso de qualquer organização. Ao longo de sua história, a Bonsucro criou um padrão de produção sustentável robusto e ganhou credibilidade. Agora, os desafios são aumentar a credibilidade, dar continuidade à missão de promover a sustentabilidade da cana de açúcar e, principalmente, criar valor para seus integrantes em toda a cadeia. O novo plano estratégico busca exatamente isso e consolida ainda mais a Bonsucro como a principal organização global para a sustentabilidade da cana-de-açúcar.”

A Bonsucro combinará os pontos fortes de seus padrões de sustentabilidade mundialmente reconhecidos e a força de seus 266 membros em 50 países, a fim de reunir o setor da cana-de-açúcar para criar uma força poderosa para a mudança, abordando algumas das questões mais críticas que a sociedade enfrenta.

Melhorar o impacto ambiental da cana-de-açúcar

As emissões de gases de efeito estufa (GEE) continuam sendo o principal contribuinte para as mudanças climáticas, com a agricultura sendo responsável por cerca de 14% das emissões totais. Enquanto os produtores de cana-de-açúcar certificados pela Bonsucro continuarão melhorando seu desempenho ambiental ano a ano, nos próximos cinco anos a Bonsucro irá:

  • Liderar o setor no desenvolvimento de metas e caminhos de redução de GEE com base científica, em linha com o Acordo de Paris sobre Mudanças Climáticas.
  • Endereçar a crise hídrica, trabalhando de forma colaborativa para gerenciar a água de forma responsável e equitativa.
  • Proteger a biodiversidade, a saúde do solo e promover a agricultura regenerativa.

Fortalecer os direitos humanos e o trabalho decente na lavoura e moagem da cana-de-açúcar

Grande parte da cana de açúcar mundial é cultivada em países onde as condições de trabalho são precárias. A Bonsucro irá:

  • Promover e apoiar o Trabalho Decente para os pequenos agricultores, trabalhadores agrícolas e industriais, com tolerância zero para o trabalho forçado e trabalho infantil.
  • Garantir o recrutamento seguro de trabalhadores migrantes e reduzir a discriminação em todas as suas formas.
  • Apoiar e promover a igualdade de gênero.
  • Promover salários justos para pessoas vulneráveis, trabalhando com parceiros para desenvolver e testar salários dignos em origens específicas.

Criar valor em toda a cadeia de abastecimento

A certificação dos Padrões Bonsucro reduz os riscos comerciais, jurídicos e de reputação e permite que os membros atendam às crescentes demandas por sustentabilidade. A Bonsucro irá:

  • Estimular a demanda do mercado para aumentar a aceitação de produtos certificados de cana de açúcar.
  • Investir em projetos de impacto em apoio aos pequenos agricultores.
  • Aumentar as vendas da plataforma de negociação de crédito Bonsucro.

Sustentando os objetivos estratégicos

Os objetivos estratégicos serão entregues por meio de seis atividades principais:

  • Certificação e asseguração: aprimorar as normas e o sistema de asseguração e colaborar com outros esquemas de sustentabilidade para maximizar a eficiência.
  • Projetos de impacto: aumentar o financiamento e o conhecimento disponíveis para apoiar os agricultores e a inovação.
  • Desenvolvimento de membros: focar no recrutamento e retenção de membros e agregar mais valor a eles.
  • Desenvolvimento de mercado: estimular a demanda por produtos certificados Bonsucro.
  • Digitalização e dados: publicar evidências mais fortes de resultados e impacto, fornecer novas análises para membros e fornecer métricas ESG para instituições financeiras.
  • Comunicação e influência: criar mais conteúdo gerado localmente, trabalhar com parceiros para fornecer evidências dos benefícios da sustentabilidade na produção e comercialização da cana de açúcar e ajudar os membros a comunicar suas credenciais de sustentabilidade aos seus stakeholders.

Alex Bjork, Diretor Sênior de Envolvimento do Setor Privado do WWF EUA, disse: “O WWF está satisfeito em ver a estratégia da Bonsucro evoluir com foco na criação de valor nas cadeias de suprimentos, monitorando o impacto e fortalecendo os direitos humanos. Como plataforma global líder para a cana de açúcar sustentável, a Bonsucro e seus membros estão bem-posicionados para continuar a impulsionar mudanças positivas em todo o setor”.

Cadastre-se em nossa newsletter