Compartilhar

A Atvos, atual nome da antiga Odebrecht Agroindustrial, recebeu um selo que a permite comercializar o Certificado Internacional de Energia Renovável (I-REC), referente à energia elétrica cogerada em sua usina Conquista do Pontal, no Mirante do Paranapanema (SP). A certificação foi emitida pelo Instituto Totum.

A unidade exporta 360 mil megawatt-hora (MWh) de energia elétrica por safra a partir do bagaço da cana-deaçúcar. Cada I-REC equivale a 1 MWh de eletricidade produzida a partir de fontes renováveis.

O certificado é adquirido por grandes empresas intensivas em energia que precisam atender metas de emissão. Com o certificado, elas não têm a necessidade de investimento em geração de energia própria.

O processo de certificação obedece a parâmetros internacionais de contabilidade de emissões de carbono. Segundo a Atvos, a companhia é a primeira empresa de biomassa do Brasil a receber o certificado de energia renovável.

Segundo Luiz Henrique Dias, líder da área de energia da Atvos, a certificação confere garantia ao cliente de que a unidade Conquista do Pontal atende a critérios de sustentabilidade. “Como cogeramos cerca de 2 mil GWh de energia elétrica por safra, em todas as nossas unidades, o potencial para este mercado é muito grande e crescente”, destacou, em nota. (Valor Econômico)

Cadastre-se em nossa newsletter