Compartilhar

Os preços médios do diesel e do diesel S-10, após leve aumento, tiveram alta abaixo de 1%, no início de junho, na comparação com o fechamento de maio. De acordo com levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL), o diesel avançou 0,64% e foi comercializado a R$ 4,729 o litro nos postos. J

á o diesel S-10 registrou alta de 0,41% e preço médio de R$ 4,780. “Em todas as regiões brasileiras, os aumentos foram pouco significativos. No Nordeste, onde foram registradas as maiores taxas, o diesel avançou 1,07% e o tipo S-10, 1,06%. No Norte, o preço médio do diesel S-10 recuou 0,06%”, pontua Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil.

No recorte entre regiões, o diesel e o diesel S-10 mais caros foram encontrados no Norte, a R$ 4,946 e R$ 5,001, respectivamente. Já os combustíveis com menor valor médio foram comercializados no Sul, onde o tipo comum esteve a R$ 4,370 o litro, e o tipo S-10, a R$ 4,410.

Em relação aos estados, tanto o diesel quanto o diesel S-10 foram encontrados pelo maior preço médio no Acre, a R$ 5,746 e R$ 5,632, respectivamente. Já os valores médios mais baixos estiveram no Paraná: o tipo comum, a R$ 4,303, e o tipo S-10, a R$ 4,346.

No Rio Grande do Norte, os postos registraram o maior aumento no preço médio do diesel, de 2,56% na comparação com o fechamento de maio. Já a alta mais significativa do tipo S-10 foi identificada na Bahia, de 2,39%. O Amapá apresentou as maiores reduções nos preços, de 1,93% para o tipo comum, e 2,99% para o tipo S-10.

Cadastre-se em nossa newsletter