Preço do etanol cai na maior parte dos Estados do país

Os preços do etanol hidratado (usado diretamente nos tanques dos veículos) caíram para os motoristas da maior parte do país na semana passada, acompanhando a queda dos preços da gasolina. As quedas mais acentuadas do biocombustível ocorreram nos principais polos de consumo, e em São Paulo o produto recuperou sua vantagem econômica ante a gasolina.
Segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP, na semana encerrada dia 28, os preços do etanol caíram em 18 Estados e no Distrito Federal (DF) e subiram em sete Estados. No Amapá, o levantamento não havia sido feito na semana anterior.
A queda mais expressiva foi em São Paulo – de 3,66% na semana, para R$ 2,924 o litro. Embora a gasolina também tenha caído no Estado, o valor do etanol ficou em 69,4% do valor do combustível fóssil, abaixo dos 70% de paridade válida para a média da frota flex brasileira.
Assim, o etanol ficou mais competitivo que a gasolina em dois Estados: São Paulo e Goiás, onde o produto manteve sua vantagem durante a entressafra de cana do Centro-Sul.
O biocombustível também caiu em outros importantes centro de consumo, como Minas Gerais (-2,07%), Paraná (-2,77%) e mesmo em Goiás (-2,53%). Nos postos mineiros, a relação entre o preço do etanol e da gasolina caiu para 70,4%, e nos postos paranaenses, a correlação caiu para 75,9%.
Nas últimas quatro semanas, período final da entressafra do Centro-Sul, o etanol acumuloiu mais quedas do que altas nas bombas. No período, o produto se desvalorizou em 15 Estados e no Distrito Federal e subiu em outras 11 unidades federativas. Já a gasolina caiu em todos os Estados nessas últimas quatro semanas.
Para os produtores de etanol, o produto apresentou quedas ainda mais expressivas em março, mesmo ainda sendo época de entressafra — quando os valores costumam ficar mais sustentados.
Em quatro semanas, o indicador Cepea/Esalq para o etanol hidratado vendido pelas usinas de São Paulo acumulou queda de 28,2% e,.na semana passada, ficou em R$ 1,5137 o litro. O indicador Cepea/Esalq para as vendas das usinas de Goiás no.Estado registrou um tombo de 29,7% em quatro semanas e ficou em R$ 1,2729 o litro na semana passada.
Mas. Desse modo.Mas. Desse modo.