Compartilhar

A São Martinho anunciou ao mercado a emissão de R$ 500 milhões em debêntures, não conversíveis em ações, com esforços restritos de distribuição, ou seja, oferta direcionada a investidores profissionais, que detém R$ 10 milhões em investimentos aplicados.

Leia também: São Martinho registra lucro de R$ 996,5 milhões na safra 2020/21

De acordo com o documento apresentado no dia 23 de junho, trata-se da 3° emissão de debêntures da companhia, realizada em série única, cuja data de emissão é o dia 15 de junho de 2021.

As debêntures anunciados tem prazo de 10 anos, com vencimento em 15 de junho de 2031.

O valor unitário de cada título é de mil reais. Sobre a remuneração das debêntures da São Martinho incidirão juros de 4,69% ao ano.

Com o ciclo de etanol e açúcar brasileiro à todo vapor, a São Martinho disputa com a Cosan (CSAN3) o favoritismo entre os analistas de mercado, sobre qual ação se dará melhor com a manutenção da forte demanda brasileira por etanol num horizonte de curto/médio prazo devido aos altos preços da gasolina.

Cadastre-se em nossa newsletter