Compartilhar

Os contratos futuros do açúcar fecharam a quinta-feira (3) em baixa na ICE de Nova York. O dia foi marcado por poucos negócios devido ao feriado nacional no maior produtor da commodity no mundo: o Brasil. No vencimento julho/21 o açúcar bruto foi comercializado a 17,43 centavos de dólar por libra-peso, 25 pontos a menos que os preços da véspera.

Os lotes com vencimento outubro/21 também fecharam ontem em baixa de 25 pontos, negociados em 17,48 cts/lb. Já a tela março/22 caiu 23 pontos, negociada em 17,64 cts/lb.

Déficit global

A Organização Internacional do Açúcar (OIA) projetou um déficit global menor de açúcar na atual temporada. A OIA estima o déficit em 3,1 milhões de toneladas na atual temporada 2020/21, a previsão anterior, em fevereiro, era de 4,8 milhões de toneladas.

No consumo, a OIA espera para a safra 2020/21 (de outubro a setembro) um consumo global de 172,4 milhões de toneladas, abaixo da estimativa anterior de 173,8 milhões.

Os mercados internos do açúcar cristal, medidos pelo Cepea/Esalq, da USP e o Indicador Diário Paulínia para o etanol hidratado não operaram nesta quinta-feira devido ao feriado de Corpus Christi.

Cadastre-se em nossa newsletter